• Nenhum produto no carrinho.

Como a Shopee reinventou o e-commerce do sudeste Asiático

.        O sudeste asiático tem usuários de internet mais engajados do mundo. De acordo com o relatório do Google, Temasek e BainandCompany, existem 360 milhões de usuários de Internet na região e 90% deles se conectam à Internet principalmente por meio de seus celulares.

.        Em 2009, Forrest Li iniciou uma pequena startup de jogos chamada Garena, uma mistura de “arena global” em Cingapura. A ideia era simples – a plataforma queria permitir que as pessoas descobrissem, baixassem e compartilhassem jogos. Por 5 anos, a empresa escalou seus jogos rapidamente. Como sabemos. o mundo gamer é um negócio incrivelmente lucrativo e a Garena simplesmente não parava de crescer. Em 2015, a empresa já era um unicórnio e a maior empresa de tecnologia em Cingapura. O que uma organização ambiciosa da Internet, com uma compreensão detalhada do comportamento social por meio de jogos, faria em escala? Entrar no comércio eletrônico social, é claro.

.        A Shopee nomeou Chris Feng como CEO em dezembro de 2015 para começar a construir uma plataforma de comércio eletrônico para SEA – plataforma líder na Internet no sudeste da Ásia e em Taiwan. Cingapura foi a escolha natural para começar por causa de sua infraestrutura bem desenvolvida para lançar o marketplace onde os usuários poderiam comprar e vender com segurança. Esperava-se que o mercado de compras online atingisse aproximadamente US $3,5 bilhões em 2015 com a transição das vendas no varejo de offline para online. Shopee integrou desde o início o comércio e o social. A plataforma cria experiências imersivas ao construir uma comunidade forte que permite que os usuários se conectem e interajam uns com os outros.

       Os recursos incluem: Shopee Live (um recurso de transmissão ao vivo); Shopee Games (uma função de jogo no aplicativo); Shopee Feed (um feed social no aplicativo que permite que os usuários compartilhem conteúdo sobre o que estão listando, comprando e vendendo com a comunidade maior do Shopee); e Shopee Live Chat (uma função de chat que permite aos compradores falar diretamente com os vendedores e obter mais informações antes e depois de fazer uma compra).

.        Como mostra a Shopee, porém, o futuro do comércio é social. Por meio de feeds ao vivo, compras interativas e maior engajamento, conquistar o consumidor asiático de comércio eletrônico dependerá de quem pode fornecer uma experiência imersiva de ponta a ponta.

       Em 2016, a Shopee foi responsável por uma iniciativa chamada “Shopee University”, uma série de workshops e tutoriais para ajudar os empreendedores e empresas locais a abrirem seus negócios online nas Filipinas.

.        Já em 2017, lançou o Shopee Mall com 200 marcas em Cingapura . O portal dedicado apresenta milhares de produtos vendidos pelas principais marcas e varejistas da região. O Shopee Mall foi criado para oferecer uma experiência de compra online mais diversificada e atender melhor às marcas maiores que buscam uma abordagem mais ampla.

       Em 2018, a Shopee abriu o China Marketplace, oferecendo aos compradores acesso fácil aos produtos de comerciantes chineses com frete grátis. Este portal concorre diretamente com o Taobao da Lazada, maior corrente direto de vendas online no sudeste asiático.

.        A Shopee estabeleceu o padrão ouro para engajamento comercial e reinventará não somente o e-commerce asiático, mas o do mundo todo agora com sua entrada em novos mercados – sendo o Brasil o primeiro país fora da Ásia a receber a gigante asiática em 2019.

 

Aluno: Bárbara Gaspar

Ocupação: Marketing Associate

 

Fontes:

https://www.scmp.com/week-asia/economics/article/3122422/why-rise-singapores-tech-giant-sea-has-been-hot-topic

https://www.businessoffashion.com/news/global-markets/shopee-owner-doubles-revenues-plots-latam-expansion

https://en.wikipedia.org/wiki/Shopee

https://asia.nikkei.com/Spotlight/DealStreetAsia/Shopee-clocks-most-visitors-among-Indonesian-e-commerce-apps

20 de março de 2021

1 respostas em "Como a Shopee reinventou o e-commerce do sudeste Asiático"

Deixe sua mensagem

Todos os direitos reservados - www.oichinaonline.com.br © - Desenvolvimento: Tuiuiú Comunicação

× 你好! Como posso te ajudar? Available from 08:00 to 19:00